Hora do chá bipolar

A primeira aparição do coelho bipolar em 2014 é marcada pela falta de nexo.
Um chá da tarde totalmente esquizofrenico e bizarro, mas mesmo assim, muito fofo!

Eu decidi que em 2014 vou explorar mais o universo do coelho bipolar, afinal, ele é o meu único personagem original e recorrente. Eu tenho um desejo muito forte de refazer todas as coisas que eu fiz dele, principalmente a animação, mas decidi que por ora vamos em frente sem olhar para trás.

A intenção era fazer um exercício de cor, queria um contraste com pastéis e cores bem fortes, depois de alguns estudos a paleta de cores final definida foi essa aqui:



O rascunho era um thumb minusculo no meio das minhas anotações no trabalho, o que é inclusive um hábito que eu tenho que adquirir, de tocar pra frente as idiotices que eu rabisco todo dia.


Eu tinha terminado mas faltava alguma coisa ainda, uma "ameba" talvez.



Et voìla! O resultado final ficou bem legal, gostei bastante.

E por hoje é só pessoal o/

Ingrid Muniz

Formada em Design Gráfico pelo Centro Universitário Belas Artes de São Paulo. Durante o dia é diretora de arte, mas na calada da noite aventura-se na vida de ilustradora freelancer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário